Fala galerinha, tudo bacana?

Hoje o Tio Guto trouxe algumas dicas de monitoramento.

Bom, muita gente da minha geração curte o Zabbix, Nagios, Monit e outras ferramentas que podemos instalar "in house". São ferramentas fantásticas, fazem o que se propõe e quando bem utilizadas se integram perfeitamente em nossa stack e aos nossos procedimentos de automação.

Vale lembrar que o foco dessas ferramentas é a Infraestrutura, então podemos dizer que elas nos dão a visão da "Infraestrutura pela Infraestrutura".

Ixe, Infraestrutrua pela Infraestrutura? Agora complicou hein...

Nem tanto, vamos entender isso.

Apesar de serem ferramentas de monitoramento, elas nos dão um monitoramento do ponto de vista interno na maioria dos casos, e as vezes até mesmo do ponto de vista externo – geralmente partindo de um local/ip "conhecido" e "seguro", o famoso monitoramento via caminho feliz.

Entenda, é um monitoramento válido e importante, mas pode ocorrer aquela situação de o Monitoramento estar todo "Ok" ou "Green" e alguém te mandar um ZAP assim:

"Hey, você viu que seus sites estão fora?"

E você vai falar:

"What, WTF?"

É acontece né.... mas porquê isso acontece?

Por que nós não temos uma visão de fora realmente confiável.

Para a gente ter uma visão de fora – exercitando a experiência do usuário, precisamos utilizar alguma ferramenta que nos dê esse ponto de vista diferenciado. Essa ferramenta precisa nos responder algumas coisas, entre elas:

  • Uma conexão externa vê meu site/serviços corretamente?
  • Qual a tempo médio de carregamento de meus sites e serviços?
  • Qual a taxa de disponibilidade destes sites/serviços?

São perguntas simples e não valem o esforço ficar espalhando agentes de alguma ferramenta, ou então proxys Zabbix – por exemplo – em várias regiões da Amazon/Azure/GCP.

Então, Como eu posso resolver isso rápido e com baixo custo?

A resposta é SaaS!

Temos vários sistemas de monitoramento SaaS bem bacanas, em especial eu trouxe 2 serviços bem práticos e gratuitos que fazem esse trabalho sem custo pra gente, vamos a eles:

Uptimerobot.com

  • 50 alertas
  • Gráficos de SLA
  • Intervalos de 5 minutos
  • Checagens: HTTTP, HTTPS, TCP, UDP, PING
  • Integrações diversas (email, telegram, twitter, slack, etc.)
  • Status Pages Diversas
  • API ( https://uptimerobot.com/api )

StatusCake

  • 10 alertas
  • 1 Check Speedtest a cada 24 horas
  • Gráficos de SLA
  • Intervalos de 5 minutos nos alertas
  • Checagens: HTTTP, HTTPS, DNS, SMTP, SSH, TCP, UDP, PING, PUSH
  • Integrações diversas (email, telegram, twitter, slack, etc.)
  • 1 Status Page
  • API ( https://www.statuscake.com/api )

Conclusão

Ambas são excelentes, eu já tenho bastante intimidade com o UptimeRobot, uso há alguns anos, me dou bem especialmente com sua API, contudo, o StatusCake tem provado ser uma boa alternativa.

Ambas ferramentas nos planos pagos oferecem uma gama de recursos extras como SSL Check, relatórios mais detalhados, janela de manutenção, monitoramento de domínios, alertas personalizados com sua logo e muito mais.

Se você tem budget para queimar, manda ver e assina as ferramentas, se não tem dá para se virar bem com as versões "free tier".

Tá esperando oq? Vai lá conhecer!

Dica da dica

Uma boa ferramenta para automar os dois em sua infraestrutura – colocando tudo junto com o provisionamento de sites ou deployment – é o tronitor, conheça o projeto, recomendo.

[s]
Guto


Se você precisa de ajuda com monitoramento, fale com a JAC, nosso braço de projetos e consultoria!

A JAC oferece um atendimento diferenciado e profissionais bem antenados, pode confiar :)

contato@jac.bsb.br
https://jac.bsb.br